sexta-feira, 6 de julho de 2012

Julia Petit fala sobre caso Shame.

Essa semana eu estive em São Paulo para cobrir o Youpix (evento que trata sobre assuntos internéticos) para um outro projeto que não tem nada a ver com o Fashion Killer. Na verdade eu ia ficar só no primeiro dia, mas como lembrei que haveria um painel com a Blogueira Shame a a Julia Petit, resolvi ficar.
Gostaria de deixar registrado que fiquei muito decepcionada que a Shame (Titita, Pri, etc) não apareceu por lá e a participação dela foi via Skype, mas enfim... Aproveitando, registro também duas opiniões sobre o caso Blogueira Shame (para quem vive no mundo da lua, descobriram a identidade dela no fim de semana passado).

1- Apesar de ser leitora do blog, não concordava com o anonimato. Acho que cada um tem direito sim a expressar opinião sem medo de ser feliz.
2- Com a descoberta da identidade até então secreta da Titia, ficou muito claro que as ~ blogueiras de moda mais acessadas do país~ não sabem lidar com críticas. E pior, caem em contradição o tempo inteiro. Algumas meninas criticavam o blog por humilhar as pessoas (o que eu discordo) e outras diziam que eram "da paz" e que não iam perder tempo com bobagem sem contar as que viviam ameaçando processar a dona do blog por calúnia e difamação. Quando caiu na rede quem estava por trás do blog, todas elas caíram num lugar comum: criticaram duramente a aparência da paladina da moda, deram escândalo e proferiram ameaças e piadinhas (bem sem graça por sinal). Perderam o fio da meada quando misturaram personagem com pessoa física. Será que elas se esqueceram que muitas vezes elas também são personagens quando manipulam as leitoras ou indicam um produto que elas não acham bom como item obrigatório? Acho, sinceramente, que a Pri Rezende prestou um serviço abrindo o olho das leitoras que nem tudo o que a gente lê na internet é verdade.

Eu tenho mais para falar sobre o assunto, mas sinceramente estou com preguiça. Deixo com vocês a pequena entrevista que eu fiz com a Petit, e ela fala sobre, além de Blogueira Shame, como começou o blog dela e dá dicas para quem sonha em ser uma blogueira ~rica e famosa~. Confere aí:



See ya!

Comente com o Facebook:

28 comentários:

  1. Respostas
    1. Aqui está saindo em apenas um canal, mas está compreensível.

      Excluir
    2. Me desculpem meninas, mas foi a primeira vez que usei microfone, posso ter regulado alguma coisa errado..

      Excluir
  2. concordo! adoro a blog e não vou parar de ler, mas mt me decepcionou uma tweet da Priscila afirmando q usaria a coleção de pele da arezzo, caso ganhasse. Isso foi lastimável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Shame explicou isso. Disse que antes não tinha consciência das atrocidades do mundo das peles. Depois que descobriu toda a crueldade é que foi se dar conta de que não vale a pena tanto sofrimento por puro capricho.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Acho que tanto você como Julia Petit conseguiram condensar exatamente o que eu penso sobre Titia Shame, parabéns, curti o post, só espero que algumas pessoas agora tentem ao menos compreender :)

    ResponderExcluir
  5. Muito bom Cicy, a Júlia sempre arrasa, responde de forma inteligente sem baixar o nível. E você é uma fofa falando.

    Adorei o blog.

    ResponderExcluir
  6. mas eu to por fora... sabia nunca que a identidade da titia tinha sido revelada!!!

    ResponderExcluir
  7. Olá Cicy, achei a entrevista bem interessante (vc é muito eloquente), acho que a Julia tem um ponto a defender, embora eu não concorde 100%. Acho sim q a Shame foi um catalizador da opinião de muitas pessoas, mas não só quanto aos anúncios. Ela também catalizou muita inveja de gente que, no fundo, queria ter a vida daquelas garotas. E acho que ela tinha um propósito no começo, mas se perdeu com a fama. Ela levantou questões importantes que poderiam ter virado discussões sérias sobre consumo exagerado, sobre a relação das pessoas com o consumo, sobre o uso de peles... Mas da maneira que foram colocadas acabaram parecendo que era apenas pegação no pé das meninas ricas para que ela tivesse mais ibope. Essa é a minha opinião como leitora, não estou nem do lado das meninas ricas nem do lado da Shame. Apenas fiquei desapontada depois de ver o quão rasa era a "causa" em questão. Acho que no fundo, a menina comum por trás desse bapho todo estava apenas procurando seu lugar ao sol e, feliz ou infelizmente, ele apareceu no ramo do humor negro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com você!

      Excluir
    2. Tb concordo!mas o que mais decepcionou foi ver que a Shame é apenas mais uma blogueira medíocre que nao fez sucesso,do tipo que ela mesma ridicularizava diariamente em seu blog!ou seja,o motivo dela viver criticando as demais blogueiras nao era nobre,mas apenas um desabafo de uma recalcada...Renata

      Excluir
    3. Concordo plenamente com o comentário acima, da Renata. O blog da Priscila era tosco, bem pior do que a maioria que ela expunha no Shame. Decepção é pouco!

      Excluir
  8. Ao meu ver, uma vez blogueira você se torna pessoa pública e com isso vem a exposição a elogios e críticas. Blogueira Shame não está difamando ninguém, está apenas chamando a atenção para os vacilos óbvios que elas cometem. Se fosse o caso tira tudo do ar, né? Furo MTV, Pânico na TV, Zorra Total e qualquer outro programa ou portal que exponha, de forma divertida e/ou zombeteira toda (sub)celebridade.

    ResponderExcluir
  9. Olha, a Julia Petit disse tudo!! O que eu acho mais legal é que a Shame abalou esse mercado sem ser alguém tão envolvida nele, assim como a Julia disse.
    Adorei a entrevista.
    Beijos,
    Ana

    ResponderExcluir
  10. Hoje é a primeira vez que leio seu blog e li varias paginas - só nao li mais por falta de tempo, mas eu volto. Conheci através da Shame e já adianto que amei! Amei sua sinceridade em falar dos looks das tais blogueiras de moda. Parabéns e continue assim. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Para mim essa blogueira shame ver nas meninas ''it'' tudo que ela não conseguiu ser.
    Acho engraçado que a maioria das meninas que visitam o shame,vão nos blogs dessa blogueiras. Se não gostam,parem de ir. Simples assim!
    Se qualquer pessoa procurar ver/ler um pouco sou a Pri rezende,irá ver que ela se encaixa bem em muitas das tags que ela usa nesse blog vergonhoso .
    Tosca,tosca e tosca é a palavra que a define.

    ResponderExcluir
  12. Acompanhei todo o desenrolar do assunto no domingo, logo após a descoberta. Acompanho a Shame já faz um tempo e gosto do blog, mas fiquei decepcionada. Decepcionada não com a aparência dela - bonita,sim- mas com as contradições. Vi as fotos do fotolog e notei que ela fazia exatamente o que criticava, sem tirar nem por. Porém, o que mais chamou atenção foi a frase dela no twitter comentando que usaria as peles da marca Arezzo. Logo ela que critica ferrenhamente quem usa. Soou inveja ou a qualquer semelhança,né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não vi os comentários dela sobre pele. Mas encaro um pouco diferente. A Pri Rezende é uma pessoa e a Blogueira Shame um personagem. Nem sempre a opinião de um personagem reflete a opinião real da pessoa. Pode ser que em algum momento elas se misturem, mas nem sempre. Se ela fizesse um blog com o rosto dela (assim como eu faço o meu) aí sim, caberia esse argumento de que ela critica mas faz. Mas não estou aqui para criticar nem defender ninguém, sou leitora do Blog e acho muitas coisas que lá estão pertinentes.

      Excluir
  13. Eu li o mesmo comentário da Arezzo e a mim pareceu ironia.

    ResponderExcluir
  14. Os blogs de moda não refletem a moda... Eu estudo isso na faculdade e as atrocidades dos DIY e looks do dia feito por algumas moçoilas DESINFORMADAS são terríveis! Gentê,bom senso e senso de estética faltam. Nail arts são lyndras,mas tem que ser feitas pelas melhores profissionais e só devem ser usadas em ocasiões mega-especiais. O que mais me deixava indignada era aquela onda de Color Blocking que surgiu nas passarelas e as doidas queriam fazer com as roupas delas...UÓ! Tendência de moda é algo para ser estudado,estudado,estudado e testado.
    Hoje a gente não tem nenhuma tendência que preste,tudo beira ao BREGA e ao caos. Falta elegância e coerência nos looks do dia,e pra mim,na fase em que o mundo vive,o chic é ser o mais simples possível. Petit,amei seu look no Youpix,é disso que estou falando.

    ResponderExcluir
  15. Eu quero a camiseta dela ♥♥♥ (sh)It Girl!

    ResponderExcluir
  16. Óbvio que a tal Priscila é "laranja" da Julia, patrocinadora daquele blog vergonhoso... Shame on you Petit. Existem formas mais inteligentes de vencer a concorrência.

    ResponderExcluir
  17. Conheci seu blog agora... já me identifiquei e adoro a Julia por ser uma pessoa com opinião formada e não vai com as outras, e vc parece da mesma opinião!!!

    ResponderExcluir
  18. Sério, é todo mundo um bando de robô manipulado? Ninguém pode avaliar um produto por conta própria? Meninas menores de idade são muito capazes de avaliar as coisas por conta própria, será que nós brasileiros podemos deixar de ser hipóicritas e tratar menores como seres dotados de cérebro? É por causa dessa idéia absurda que atribui a tudo a manipulação que estamos no pé que estamos. A própria Júlia usa bases da Chanel que em nosso país custam mais de R$ 200! Q baita hipocrisia! No outro dia ví um vídeo um dela onde ela dizia que estava usando umas sombras que "O Duda" havia enviando pra ela. Pq nunca se falou sobre isso no tal Shame?! Isso não é publicidade não? c'mon! Pq nunca se fala mal da Marina Smith (cujo blog eu gosto muito, diga-se de passagem?)
    A proposta do blog da Shame? Legal. Que ela faz isso de modo antiético, pouco esclarecido e aceita conteúdo tendencioso e preconceituoso no blog dela... isso é verdade e pra mim ANULA todo o trabalho a qual ela se presta. Mulher grossa, mal educada e reprodutora da violência verbal.
    Enaltecê-la como quem abre os olhos de alguém é uma injustiça! Pra mim ela promove o ódio mais que a consciência, e honestamente acho negativa a publicidade que atribuem a pessoas como ela.

    ResponderExcluir

Comente!