quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Vem aí... (parte 1)

Tendência, trend alert, must have, aposta... se você acompanha a moda certamente sabe o que significa. Se não, eu conto: são as peças que serão usadas até a exaustão na próxima estação. Costumam aparecer primeiro nos desfiles e depois nas revistas e blogs (geralmente em forma de jabá).
Eu sempre falo com minhas amigas consumistas incansáveis para não investirem todo o salário em tendências, principalmente antes de pensar se aquilo realmente vale a pena.
Para o papo não ficar muito longo, preparei dois posts de acordo com o que já pegou na gringa e começa a aparecer por aqui. Então vamos lá:

1) Candy Colors


Eu chamo de cor "romantiquinha" mas não é nada além dos tons pastel. Apareceu nos desfiles da Chanel, Prada e Louis Vuitton, entre outras e logo as fashionistas começaram a usar, mesmo que timidamente. Agora já é febre nos ~blogs~ brazucas.
Não acho bonito nem feio, apenas enjoativo. Quem for experimentar deve tomar cuidado para não ficar muito infantil e por favor, jamais saiam na rua com os batons da foto. Se usar várias cores num look só saiba que vai parecer um cosplay de pirulito.

2) Neon


Para contrapor a suavidade do pastel, lá vem o neon de novo (não aguento mais)! Eu sinceramente não gosto e não acho que combine com qualquer tom de pele ou cabelo. Muito cuidado que o neon mal usado fica brega, over e tosco. Sem contar que quando a roupa é curta ou justa dá um ar piriguete barata. Eu usaria no máximo uma bolsa. Maquiagem jamais!

3) Spikes e Tachas


De todas as tendências essa é a que mais me agrada mas, como todas as outras tem que ser usada com cuidado. A peça toda em spike/tacha fica over, mas um detalhe fica muito charmoso, sem contar a pegada rocker que eu amo. Não me convence quando alguém tem um estilo que passa longe do rock/alternativo e força uma barra só para estar "in". Portanto se você não curte esse estilo não vista uma camisa de uma banda que você nunca ouviu só para combinar. Todo mundo vai perceber que você é fake.

Bom, por enquanto é isso. Alguém aí vai se jogar? No próximo post tem mais do que vai cansar na próxima estação.

See ya!

Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Eu moro no interior de SP (Ribeirão Preto) e até uns 3 anos atrás as meninas daqui eram bem comuns... mas com esse boom dos blogs de moda começaram a brotar várias "it girls" sem noção. A cidade é quente como o inferno e mesmo assim elas insistem em sair de calça + sneakers + jaqueta de couro. Dá até pena as vezes. Agora entraram na modinha do rock, já vejo um monte de spyke + camisa de banda. Deprimente.

    ResponderExcluir
  2. Graças à Guarapari que só vejo gente ligada em modismo no verão. Fora isso, são poucas as que seguem "tendências".

    ResponderExcluir
  3. Cosplay de pirulito hauauauuahau

    ResponderExcluir
  4. Essa onda de "patricinhas" e "bloguetes" usarem estilo rock me cansa, me deixa com vontade de não usar mais nada que lembre rock. Já que todo mundo quer ser alternativo, eu vou ser normal...

    ResponderExcluir
  5. Não aguento mais neon! É horrível. Semana passada eu entrei em uma loja procurando um vestido simples e a vendedora tentou enfiar um vestido verde-limão.
    E essas patricinhas pagando de rocker me cansam. Gente que falava das minhas camisetas de banda e agora estão usando, nem escutam as bandas.

    ResponderExcluir
  6. De todos o neon é o pior. Brega demais.

    ResponderExcluir
  7. candy color: "figurino marimoon feelings"
    neon: "carnaval, apenas"
    tachas: "ual sou do roque."

    ResponderExcluir
  8. não dá xabu essas fotos com cara das lindas n?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem motivos, não tô falando mal de ninguém. Pelo menos é o que eu acho. :)

      Excluir
  9. Detestei essa modinha de caveira, tachas e spikes por um único motivo: quem usava antes agora fica no mesmo balaio das it girls e, quando a moda passar, vão ser olhadas como se fossem uns aliens por estar usando uma tendência da coleção passada.
    Antes, quando eu queria uma roupa com caveira tinha que procurar um tempão (porque não gosto de caveiras com muito cara de demônio), agora tenho que tomar cuidado pra não tropeçar em caveiras com lacinhos e coraçõezinhos nos olhos...
    Estou tentando seguir a dica que Glória Kalil deu na época do estouro da estampa de leopardo: guardar tudo e esperar sair de moda pra voltar a usar.

    ResponderExcluir

Comente!