terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Buenos Aires - Dicas

Acho que Buenos Aires é um dos destinos internacionais mais visitado pelos Brasileiros, tanto pela proximidade quanto pela facilidade de acesso. Eu já estive lá antes e por isso eu e meu namorado optamos por um roteiro com menos pontos turísticos e mais dicas de pessoas que moram por lá. Vou compartilhar com vocês alguns lugares bacanas fora da onda "turistão" e quem tiver alguma dúvida pode deixar nos
comentários que eu respondo.

1) Hotel


Nós íamos ficar no centro, num hostel que eu já havia ficado numa outra ocasião, mas li muita gente falando que a região estava muito perigosa a noite e por isso resolvi pesquisar alternativas na mesma faixa de preço. Por sorte, acabei achando o IQ Callao,  um apart hotel com pouca diferença de preço de um quarto privado num hostel e numa região mais nobre, a Recoleta. Nós pagamos 80 dólares a diária num quarto de casal, com cozinha americana, tv, ar condicionado e internet. Além disso o prédio conta com piscina, sauna e hidro. Eu gostei bastante e recomendo com força. Além de ser bastante confortável, o apart fica numa localização excelente onde dá para fazer muita coisa a pé e o taxi para os bairros mais afastados não sai caro. O único porém é o café da manhã fraquíssimo e caro, por isso é mais vantagem fechar as diárias sem café incluso, comprar os produtos no mercado próximo e fazer uma refeição reforçada no quarto.
Nós fizemos a reserva pelo Booking e não tivemos nenhum problema.

2) Compras

Esqueça a rua Florida, os preços lá estão absurdos e o local virou ponto de batedores de carteira. Nós demos uma passada rápida por lá só para ver a Falabella e a Zara e depois preferimos fazer compras em outros locais. O Shopping que mais gostei foi o Alto Palermo, e as lojas onde achei peças legais com com um preço ok foram: Ay Not Dead, Complot , Cuesta Blanca e Allo Martinez.
Perto no nosso hotel também encontramos, por acaso, a Avenida Santa Fé, repleta de lojas e galerias interessantes. Uma lojinha de acessórios bacana é a Todo Moda (tem em vários locais), com muitas opções e um preço baixíssimo. Nessa mesma avenida encontramos um dos lugares mais interessantes dessa viagem, a Bond Street.

3) Bond Street


Olhando por fora é uma galeria meio tímida, mas por dentro é equivalente a Galeria do Rock de São Paulo. Lá dentro existem vários estúdios de tatuagem e piercing, lojas de skate, moda alternativa, sex shop, tabacarias e até um boteco para uma cervejinha. 
A loja que eu mais curti foi a Desigual (subsolo), com camisetas incríveis, preço bom e um atendente muito simpático. Quem gosta de uma experiência diferente e gente estilosa vai curtir muito a visita.
A Bond Street fica no número 1670 da Avenida Santa Fé, Recoleta.

4) Parilla


A carne argentina é famosa pela sua maciez e seu sabor, mas encontrar um local em Buenos Aires onde a verdadeira carne é servida é uma tarefa difícil. Eu comi em vários restaurantes onde a carne era ok, mas só descobri a verdadeira maravilha em dois lugares especializados na "parilla".
O primeiro é o Miranda, restaurante pouco conhecido por turistas (não vi um Brasileiro por lá) e com um ambiente bem descolado, com garçons jovens e mesas na calçada. A carne foi a estrela da noite mas os drinks merecem menção honrosa. Tudo estava maravilhoso, mas o atendimento deixou um pouco a desejar. Mas ainda assim, recomendo para quem gosta de comer bem num ambiente com "buena onda". Nós gastamos o equivalente a 115 reais para o casal, com jantar e bebidas.
Já o La Cabrera está ficando famoso entre os turistas, mas não sem motivos: a comida é divina. Ouso dizer que foi a melhor carne que já comi na vida - e olha que sou a louca carnívora. O atendimento é tão bom que dá vontade de ficar a noite inteira batendo papo com o garçom. O ambiente é um pouco mais refinado que o Miranda mas nada que incomode. A conta vem acompanhada de uma torre de pirulitos que foi devidamente assaltada - idade mental 5 anos - e pagamos o equivalente a 135 reais.
Se tiver que escolher apenas um, pense no que você procura. Nos dois locais a comida é excelente, sendo que no La Cabrera a carne é um pouco mais saborosa e o atendimento melhor e no Miranda o ambiente é bem jovem com drinks maravilhosos.        

5) Franks Bar


O Franks na verdade é um "Pub Secreto", com seguranças mal encarados na porta que te perguntam pela senha. Se você acertar, recebe um número para abrir a passagem na cabine telefônica. Se não, vai embora. Além disso o local não possui placa e para quem não conhece fica complicado localizar. Para conseguir a senha você tem que acompanhar as dicas no facebook do bar até descobrir a palavra final.
Mas tanto trabalho vale a pena não só pelo ambiente incrível escondido atrás do orelhão, como também pelos drinks exóticos e garçonetes de mini saia. Quem curte esse clima de pub, com pouca iluminação e sofás confortáveis tem que ir, de qualquer jeito.

Enfim, essas são as dicas que eu queria deixar para vocês. Muita gente viaja com foco apenas nos pontos turísticos e deixa de conhecer a vida local. Quem tiver mais alguma dica diferente de Buenos Aires é só deixar nos comentários.
Espero que vocês tenham curtido!

See ya! 

Comente com o Facebook:

21 comentários:

  1. 80 doloares a diaria para o casal, ou para cada um de voces?

    ResponderExcluir
  2. Puuuutz, eu fui em Buenos Aires ano passado e nunca tinha ouvido falar dessa Bond Street senão teria ido :(
    Eu comi no La Cabrera também e é MUUUUUITO bom.
    Tem um lugar chamado rosedal que também é muito bonito de ir, principalmente casais.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. indico muito o La cabrera! divino! eu e minha família deixamos até um prato nas paredes do restaurante!

    ResponderExcluir
  4. Adorei!Deu até vontade de ir. :D
    Quanto tempo vocês ficaram lá, Cicy?

    ResponderExcluir
  5. restaurante Siga La Vaca, no bairro de Puerto Madero...139 pesos por pessoa, o que dá uns 47 reais. Eu nao recomendo ficar na Recoleta, o bairro é muito caro e comer por lá idem. Ficar em San Telmo ou em Palermo é mais legal e barato :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba, tudo é questão de ponto de vista mesmo! hehe
      Eu achei o Siga La Vaca péssimo (a carne principalmente), bem pega turista mesmo. E quanto aos preços, os restaurantes que comi em Palermo foram bem mais caros que na Recoleta! Acho que dei sorte... :)

      Excluir
    2. Sem duvidas o Siga La Vaca é overated.

      Excluir
  6. Meu irmão tem uma namorada portenha que AMA esse tal de Franks Bar. Que coincidência né?
    Eu tava olhando o site desse apart e achei super em conta 80 dólares o quarto pro casal. Aqui na zs do RIo você paga 40 dólares num quarto compartilhado de hostel!

    ResponderExcluir
  7. Amiga deve ter muito tempo que vc foi em BA, pois esse restaurante Siga La vaca e muitooooo ruimmmm...se pesquisar na net vc vai ver os comentarios das pessoas que ja esteve la recentemente.

    ResponderExcluir
  8. Oi Cicy tudo bem? Eu sempre passo aqui pelo pelo seu blog e estou comentando hoje pela primeira vez porque ganhei uma viagem em julho de presente de 18 anos e é justamente para Buenos Aires! Vou com mais duas amigas e vou anotar todas as suas dicas para tentar fazer tudo. Vou ficar lá 4 dias e ainda não decidi onde vou ficar. Esse hotel que você ficou tem quarto para 3 pessoas?
    Eu já li bastante e sei que é só a carteira de identidade que precisa para entrar mas você acha que vale a pena fazer um passaporte?
    Beijos e desculpa pela amolação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andressa, acho que não existe um quarto para 3 pessoas mas há a possibilidade de colocar uma cama extra pagando um valor adicional.
      Quanto ao passaporte, não há necessidade a não ser que você já esteja planejando uma outra viagem que precise do documento. :)

      Excluir
  9. Tem um outro pub muito interessante em Palermo. É meio alternativo, temática de filmes e em uma área meio residencial, mas é incrível. Chama Guido. Fomos em 3 pessoas, comemos aperitivos, tomamos cerveja e coca e ficou 175 pesos argentinos a mesa.
    Conhecemos tb um antiquario em Santa Fé bem legal, só não lembro o nome ): Mas é famosinho pro pessoal de lá, é só perguntar.

    ResponderExcluir
  10. Pra quem gosta de brechó, bem pertinho da bond street tem um lugar chamado "galeria 5avenida", tem que garimpar muito, mas vale a pena... Tb recomendo pra quem curte comida mexicana o Lupita, o tragos são perfeitos e os pratos bem servidos com excelente preço. Pra quem como eu adora cerveja recomendo a cervejaria antares, lá vc pode inclusive produzir sua própria cerveja, recomendo fazer reserva pois no dia que fui passei mais de duas horas na fila, o lugar lota muito, desisti e voltei no dia seguinte pro happy hours onde vc paga uma caneca e ganha outra, lá tem também uma degustação das cervejas da casa 28 pesos pela degustação... Maravilha rsrsrsrsr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que dicas ótimas! Vou guardar pra próxima ida!

      Excluir
  11. Eu fui a Buenos Aires com 13 anos acompanhando meus pais e me lembro de só ter ido nos pontos turísticos mesmo (com 13 anos também né?). Tenho vontade de voltar lá agora depois de "velha". Boas dicas.

    ResponderExcluir
  12. quando vc viaja qual seu meio de transporte ?

    ResponderExcluir
  13. La Cabrera é muuuuito amor!!!! Não curti muito Buenos, mas esse restaurante não sai da minha cabeça e talvez volte lá só por causa dele! Eu, a gorda! Rsrsrsrsrs

    Cecilia

    ResponderExcluir
  14. Adoreeei as dicas. Deu até vontade de ir, tinha um pouco de preconceito com Buenos por só ver as pessoas naqueles lugares bem turistões mesmo. Suas dicas de viagem são ótimas!

    ResponderExcluir

Comente!