quarta-feira, 2 de outubro de 2013

As flatforms vem ai...

Vamos voltar um pouquinho no tempo... mais exatamente em setembro do ano passado. Eu fiz um post sobre os creepers, aqueles sapatos de solado grosso e reto. O assunto gerou uma boa discussão, a moda pegou e passou. Agora, um ano depois, tenho uma notícia: vem aí, um parente do creeper. Trata-se da sandália "flatform", ou plataforma. Não confunda com o estilo "anabela" , porque, como o nome sugere o solado da flatform é plano (flat).
A inspiração do sapato vem de duas fontes. Na cultura ocidental, durante o século 15, uma plataforma de nome chopine foi criada para as mulheres que queriam parecer mais altas. O sapato virou febre entre as mulheres Veneza, que chegavam a pedir modelos com 50cm de solado. Já na cultura oriental, a inspiração vem do okobo, aquele tamanco de madeira que faz parte do traje das Geishas.

Okobo e Chopine, respectivamente
Continuando nossa viagem no tempo, me lembro de uma discussão que tive com a minha, lá no início dos anos 2000, exatamente por causa das tais flatforms. Claro que o nome não era esse e eu nem vou me lembrar qual quera, mas o sapato era o mesmo. Eu tinha uns 14 anos e sismei que queria um salto alto para ir no aniversário de uma amiga. No dia da festa minha mãe aparece com uma sandália preta, com plataforma reta e uma tira grossa de couro que eu chamei instantaneamente de "tamanco de velho". Claro que eu não usei o presente e fui para o evento de all star - saudades rebeldia-. Não sei se isso me traumatizou mas o fato é que até hoje eu acho sandália com plataforma reta coisa de vovó.
Isto posto, no começo do ano eu estive em Buenos Aires e percebi que lá é febre qualquer estilo de sapato -sandália, tênis, bota, chinelo e qualquer outra coisa- com plataformas retas.Eu torci o nariz e acreditei a moda nunca ia cruzar a fronteira e chegar no Brasil.
Mas, para minha surpresa, as flatforms saíram do meu pesadelo - e do armário das argentinas- brotaram nos sites de street style - principalmente em NY-. Confesso que eu já tinha visto alguns modelos na temporada 2011/2012 -Chanel e Prada-, mas ainda havia esperança tudo não passar de uma ameaça. Ok, fui vencida e aqui estou avisando para vocês que, provavelmente, a tendência vai aparecer por aqui também.
Para preparar o espírito de vocês, separei várias idéias de look para quem curte e vai apostar no estilo.


Até que olhando assim, no geral, as sandálias nem são tão aterrorizantes. As vezes, consigo até deixar o conceito "sapato de vó" de lado e pensar em algo vintage. Imagino também que as flatforms sejam super confortáveis. Mas, sinceramente, não são para mim.

See ya!

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Putz, eu também acho MUITO sapato de velho! Com meia calça então... Deus me livre!

    ResponderExcluir
  2. Ai gente, eu tinha sandálias assim, na minha adolescência, nos anos 90!Gente, tá tudo "voltanu".

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto de algumas, tenho uma pretinha e acho fofa e super confortável! Acho que como com qualquer sapato, vai depender do modelo... Existem sapatilhas feias e bonitas, scarpins feios e bonitos, flatforms feias e bonitas. Essa da última foto com estampa floral eu não curti, mas a azul tá legal!

    ResponderExcluir
  4. Acho as sandálias simpáticas. Bem mais que os sapatos, que acho medonhos.

    ResponderExcluir

Comente!