terça-feira, 22 de outubro de 2013

Resenha Super Sincera - The Colossal Kajal

Muita gente me pediu resenha no novo lápis da Maybelline e como eu já estava procurando um lápis bom e barato, comprei. Eu já estava na expectativa porque o Kajal é da linha Colossal, daquela máscara maravilhosa que todo mundo ama. Além disso, li muitas opiniões positivas a respeito do produto. Talvez por isso eu tenha me decepcionado, mas explico isso mais para frente.


A embalagem é de plástico e retrátil, o que traz o pró de não precisar apontar e o contra de deixar o traço mais grosso. A tampa fixa bem e não me parece ter perigo de abrir na bolsa. Mas por algum motivo que eu ainda não entendi -talvez pela textura do lápis- o plástico fica todo sujo de preto.
A textura é relativamente macia -não chega a ser mole- e a cor é bem pretinha, mas eu esperava mais pigmentação por se tratar de um kajal. Quando o produto está novo a ponta é bem fina, o que ajuda tanto na firmeza do delineado quanto no desenho. Depois de usado fica um pouco mais complicado de passar porque a ponta fica mais grossa e menos pontual, então qualquer errinho faz borrar.
A cobertura é ok, mas para ficar bem preto e sem falhas são necessárias duas camadas do produto
O meu problema mesmo foi com a duração. A minha pálpebra é um pouco oleosa e de uns tempos para cá eu dei um jeito nisso aprendendo a usar primer para olhos. Ainda assim, alguns produtos saem ou desbotam com o tempo e poucos lápis resistem a noites inteiras. Eu usei o Colossal Kajal tanto para delinear a pálpebra quanto para marcar a linha dos cílios inferiores (na pele mesmo) e para minha tristeza, ambos os locais ficaram bastante borrados. Eu saí para jantar e depois fui para uma festa e quando cheguei em casa fiquei assustada como o produto manchou minha pele. A sombra voltou intacta, mas o lápis... efeito panda total. Eu não sei em que momento a tragédia começou a acontecer, mas no total fiquei umas 6 horas fora de casa.



O preço do Colossal Kajal gira em torno de R$20,00 e dá para encontrar em farmácias, supermercados e lojinhas online que vendem Maybelline. Sinceramente, eu acho que vale ms a pena procurar uma outra alternativa boa e barata ou pagar um pouquinho mais caro para obter melhores resultados. Claro que digo isso me baseando unicamente na minha experiência, talvez o produto dê certo para quem não tem a pálpebra oleosa. Mas eu fiquei muito decepcionada. :(

Apresentação 7
Textura 8
Pigmentação 7
Cobertura 8
Duração 3
                        Média: 6,5

See ya!

Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Eu acho que tenho a pálpebra um pouquinho oleosa, e por isso sempre evitei usar kajal. Normalmente uso delineador líquido mesmo. Comprei a caneta-delineador da AVON e tenho gostado dele. Dura um bocado e fica pretinho como delineador. Inicialmente a sensação que tive era de estar usando uma canetinha hidrográfica, mas depois que seca parece delineador mesmo. As vezes pode ficar um pouco falhado, mas você conserta com uma segunda camada, tranquilamente. Custa em média R$20. Para quem manja fazer o olho gatinho é 'batata'. Bom, enfim, é uma dica.

    ResponderExcluir
  2. É por isso que eu amo esse blog, você fala sua opinião sem se vender por um brinde. E eu tenho esse lápis, ele em mim borra pouco mas tb minha pálpebra não é oleosa. Tem outros nacionais melhores, da contém 1G e um da natura que não sei a linha mas é ultra preto.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. O lápis preto menos pior ainda é o da Natura. Lápis Kajal da coleção Natura Aquarela. Parei de usar pq fica tão preto q é ruim até pra demaquilante tirar. só o da L'oreal que consegue. uhauaasuahsuhisuhuiash

    ResponderExcluir

Comente!