quinta-feira, 3 de março de 2016

LAVANDO O CABELO SEM SHAMPOO (CO-WASH)

Quem pinta o cabelo com tinta fantasia, tonalizante ou com pigmentos vermelho e/ou cobre sabe que lavar a cabeça é uma tortura. O motivo? Ver a tinta indo embora pelo ralo, literalmente. Dá uma dor enorme do coração ver nossa cor e nosso dinheiro escorrendo pelo chão...

Ter cabelo colorido é sofrido!
Eu convivi com esse drama anos da minha vida -desde os 15 anos uso tinta fantasia- e tentei várias técnicas para tentar evitar o desbotamento rápido. Usei shampoo sem sal, shampoo seco, máscara que promete segurar a tinta mais tempo, spray de fixação da cor e mais um monte de produtos que no fim das contas não fizeram grande diferença. Alô indústria cosmética, vamos melhorar isso aí!?

Só que esse ano meu problema se agravou porque eu resolvi perder uns quilos extras e voltei a praticar exercícios físicos com frequência ou seja, preciso lavar a cabeça de segunda à sexta. Com esse verão de temperaturas desérticas é impossível suar e não tomar um banho completo -a não ser que você não se importe com o cheiro de 'murrinha'. Para dificultar, meu cabelo é levemente oleoso na raiz e seco nas pontas me dando trabalho dobrado para cuidar.

Não sei se vocês sabem mas o grande vilão do desbotamento da cor é o shampoo, que abre as cutículas do cabelo para uma limpeza profunda, deixando o caminho livre para o pigmento ir embora. Conversando sobre o assunto com uma amiga adepta da pratica low-poo descobri que a solução do meu problema poderia ser a técnica de co-wash, que consiste basicamente em não usar shampoo para lavar o cabelo. Como assim?

Primeiro preciso explicar para vocês, resumidamente, o que é a prática low-poo. Numa livre tradução, low significa pouco e poo uma gíria para shampoo. Ou seja, o foco é diminuir o uso de shampoo, além de substituir o produto comum pelas fórmulas sem sulfato. Porque? O sulfato penetra no cabelo para fazer uma limpeza profunda, tão profunda que a médio prazo causa ressecamento e a perda da oleosidade natural do fio. Exemplos de sulfatos: Sodium Laureth Sulfate, Ammonium Lauryl Sulfate, Sodium Myreth Sulfate, etc. Os derivados do petróleo e parabenos também são proibidos na rotina low-poo e por isso sugiro esse post do blog Cacheia para quem quiser saber mais sobre o assunto.

O co-wash é uma técnica usada no low-pow que se resume em lavar o cabelo apenas com condicionador. O condicionador, assim como o shampoo, possui agentes de limpeza dos fios, porém menos agressivos. Logo, a higienização e remoção das impurezas precisa de um empurrãozinho dos seus dedos para friccionar o cabelo. Claro que, seguindo o padrão, o condicionador não pode ter petrolatos nem silicones insolúveis na fórmula. A lavagem ocorre da maneira clássica, com aplicação do produto na raiz, espalhando para as pontas. O pulo do gato é massagear o couro cabeludo e os fios para tirar qualquer cheirinho ruim ou sujeira.



A grande questão é que o co-wash funciona muito bem para quem faz low-poo porque o cabelo não está saturado de substâncias ruins, logo a limpeza é muito mais fácil. Então eu adaptei a técnica para a minha realidade e intercalo lavagens com condicionador e com shampoo na proporção 2X1. Tem funcionado muito bem e meu cabelo fica limpo, cheiroso e com a cor bonita por muito mais tempo. Além disso o aspecto ressecado das pontas diminuiu bastante. O único porém é que alguns condicionadores deixaram a raiz pesada, por isso é primordial ler o rótulo para ver se o produto realmente não possui componentes proibidos. Ultimamente tenho usado o Yamasterol amarelo, barato e eficiente! Outro que é liberado e todo mundo conhece é o Aussie Moist, mas custanto 50 reais não sei se é boa ideia...

Essa técnica é muito usada por quem tem cabelo cacheado ou crespo mas acredito que a seja de grande ajuda também para quem tem o cabelo muito seco ou precisa lavar diariamente por qualquer motivo. Claro que vale testar e adaptar a frequência do co-wash de acordo com a necessidade de cada um. Seu cabelo, suas regras!

See ya!


Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Será que dá certo mesmo? Eu pratico muay thai 3X por semana e por isso lavo muito o cabelo, o problema é que eu tenho MUUUUUITO cabelo então é muito trabalhoso o processo. Vou tentar um dia pra ver se funciona pra mim.

    ResponderExcluir

Comente!